IMPRENSA ENASE 2020

PRIVATIZAÇÃO DEVERÁ RECUPERAR CAPACIDADE DE INVESTIMENTO DA ELETROBRÁS, AFIRMA PRESIDENTE DA ESTATAL

 

Durante palestra no ENASE, Wilson Ferreira Júnior defendeu que a privatização ocorra por meio de descotização, com redução do controle estatal

 

O aumento do capital da Elebrobrás por meio de descotização dos ativos da estatal deverá ampliar a capacidade de investimentos da empresa e reduzir a volatilidade da tarifa de energia paga pelo consumidor. A declaração foi feita pelo presidente da Eletrobrás, Wilson Ferreira Júnior, durante palestra no quarto e último dia de debates do ENASE. De acordo com o dirigente, a diminuição do controle estatal na Eletrobrás, com aporte anual de 14 bilhões do mercado privado, fará com que a Eletrobrás amplie sua participação no mercado, recuperando sua capacidade de participação em leilões, resultando em maior competitividade e ganhos imediatos para os consumidores, com redução do preço da tarifa de energia.

Wilson Ferreira Júnior apresentou o balanço financeiro da estatal, mostrando que, atualmente, a Eletrobrás é a uma das cinco maiores empresas de energia elétrica do mundo, e a maior da América Latina, com ativos avaliados em 177 bilhões. A estatal possui 71 mil quilômetros de linhas de transmissão e mais de 51 MW de capacidade instalada, em 134 usinas, o que representa 30% do mercado nacional. No entanto, apesar disso, a estatal chegou a valer pouco mais de 42 bilhões em 2015, após sucessivas crises e dificuldades operacionais. Nos últimos cinco anos, após diversas reestruturações, a estatal registrou um crescimento de 68% de valor de mercado. A privatização da Eletrobrás foi apontada por mais de 70% dos participantes do ENASE, como extremamente relevante para o futuro do setor elétrico. O percentual é resultado das tradicionais enquetes do ENASE.

 

Presidente da Eletrobrás, Wilson Ferreira Júnior

"Privatizar - Nosso objetivo é trazer estabilidade e acabar com volatilidade das tarifas pagas pelos consumidores. Com a privatização, a Eletrobrás será uma empresa financeiramente capacitada e poderá participar do mercado de energia com competitividade, promovendo benefícios para o setor e para a sociedade.


Assessoria de Imprensa: DGBB Comunicação & Estratégia

Bernardo Brandão – (61) 98162-6759 [email protected] 
Lara Cristina – (61) 98103-9446 [email protected]